Estiagem causa perdas de 24% na produtividade da soja em MS

Foto: Wenderson Araujo/Sistema CNA

A produtividade da soja teve perda de 24% em Mato Grosso do Sul, informa o 5º Levantamento da Safra de Grãos 2021/22, realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). De acordo com a pesquisa, divulgada nessa quinta-feira (10), a produção estadual total da oleaginosa é estimada em 9,7 milhões de toneladas, com rendimento de 46 sacas de 60 kg por hectare.

A redução é provocada pela restrição hídrica, associada a temperaturas elevadas que ocorreram a partir da segunda quinzena de dezembro no centro-sul do estado. A estiagem ocorreu no período em que a grande maioria das lavouras entrou em estádio reprodutivo, fase em que as plantas se tornam mais sensíveis às intempéries.

O impacto produtivo só não foi maior porque o comportamento climático na região centro-norte obteve ótimo desempenho no mesmo período, mantendo expectativas de altas produtividades para esta porção que corresponde a aproximadamente 30% da área em produção de soja no estado.

Ciclo antecipado

Além das perdas produtivas, as condições climáticas adversas provocaram a antecipação do ciclo das lavouras. Conforme o acompanhamento do Progresso da Safra, divulgado semanalmente no site da Conab, até 5 de fevereiro haviam sido colhidos 7% da soja cultivada no estado.

Acesse aqui a íntegra do boletim do 5º Levantamento da Safra de Grãos 2021/22.

Da Conab

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: