Produção brasileira de maçã deve cair entre 20% e 30%

a maca
Foto: Antonio Capra

A safra brasileira de maçã 2017/2018 deve ter redução de volume entre 20% e 30% em relação ao ciclo passado, em consequência de geadas e granizos registrados nas regiões produtores durante o período de frutificação.

A estimativa é do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Escola Superior de Agronomia Luiz de Queiroz da USP ((Esalq/USP), e foi divulgada nesta terça-feira (9).

Além disso, assinala o Cepea, outro fator que pode limitar a produtividade é a presença de pedúnculos (hastes) mais curtos, que dificultam a boa fixação, causando quedas das maçãs das árvores e fazendo com que as frutas tenham calibres menores.

A redução da safra deve ter impacto nos preços do produto ao consumidor. Com  a diminuição da oferta, a tendência de alta.

Santa Catarina e Rio Grande do Sul são os maiores produtores brasileiros de maçã. Os dois estados respondem por mais 90% da safra do país.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: