Produtos florestais assumem o 2º lugar entre os setores exportadores do agro

celulose
Foto: Marcello Casal Jr/EBC

As exportações de produtos florestais brasileiros estão em alta, segundo dados do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Em janeiro último, a cadeia produtiva ficou na segunda posição entre os principais setores exportadores do agronegócio.

As vendas externas tiveram forte alta de preço, com os embarques totalizando US$ 1,15 bilhão, montante recorde da série histórica (1997-2018), ante US$ 956,62 milhões do mesmo mês de 2017. A participação dos produtos florestais foi de 18,7% nas exportações do agro no mês passado.

A celulose foi o principal produto exportado, com US$ 713,61 milhões em vendas externas (+19,9%), também valor recorde da série histórica.

As exportações de madeiras e suas obras foram de US$ 268 milhões (+27,6%), enquanto os embarques de papel atingiram US$ 165,90 milhões (+10,6%), com valor e volume recorde.

Em janeiro, os cinco principais setores exportadores do agronegócio foram carnes (19,3% de participação); produtos florestais (18,7% de participação); complexo soja (16,8% de participação); complexo sucroalcooleiro (10,3% de participação); e cereais, farinhas e preparações (8,9% de participação).

As exportações do agronegócio atingiram US$ 6,16 bilhões em janeiro, com alta de 4,9% sobre os US$ 5,87 bilhões do mesmo mês de 2017.

Da redação, com informações do Mapa

AGROEMDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: agroemdia@gmail.com - (61) 992446832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: