Serviço gratuito de alerta de desastres naturais por SMS chega ao DF, TO e MT

alertas 1 min integracao nacional
Foto: Divulgação/Ministério da Integração Nacional

A partir desta segunda-feira (19), os moradores do Distrito Federal, do Tocantins e de Mato Grosso passam a contar com o sistema gratuito de alertas de desastres naturais por SMS. Já em funcionamento em nove estados, o serviço visa a prevenir e orientar a população em relação aos procedimentos que devem ser adotados diante de risco de inundações, alagamentos, temporais ou deslizamentos de terra, entre outras ocorrências.

No Centro-Oeste, o sistema já está em operação em Goiás e Mato Grosso do Sul, e o Tocantins é o primeiro estado da Região Norte a recebê-lo. Nesta segunda-feira, todos os telefones celulares ativos do DF, do TO e de MT receberão uma mensagem de cadastro: ¿Defesa Civil Nacional informa. Novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas em área de riscos.

Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse¿. Ao responder indicando o CEP, o celular do usuário estará apto para receber alertas da Defesa Civil. É permitido cadastrar mais de um CEP. Caso não receba a mensagem, basta o morador seguir o procedimento e enviar o código postal para o telefone da Defesa Civil Nacional, o 40199.

Os alertas são gerados pelo Centro de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração, em parceria com os órgãos de Defesa Civil de estados e municípios, sempre que são identificadas situações de riscos em função de desastres naturais. A qualquer momento, se o usuário desejar, também é possível cancelar o serviço por mensagem de texto.

Iniciativa inédita no Brasil

“O serviço, inédito no Brasil, é totalmente gratuito e usa a tecnologia para informar a população de forma preventiva, com o objetivo de poupar vidas e diminuir os impactos dos desastres naturais”, destaca o ministro da Integração, Helder Barbalho.

O diretor do Cenad, Élcio Barbosa, ressalta a importância da adesão ao serviço pelos moradores para que se previnam em situações como as chuvas intensas de verão, por exemplo.

A última fase do sistema, que ativará os telefones da Região Nordeste e dos demais estados do Norte, começará no dia 26 deste mês. A iniciativa é coordenada pelo Ministério da Integração em parceria com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e com as operadoras de telefonia móvel.

Os nove estados que já oferecem o serviço são Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná e Santa Catarina.

2,5 milhões de celulares cadastrados

Desde o lançamento, em fevereiro de 2017, foram enviadas 1.966 mensagens por meio do sistema, informando sobre o risco de desastres. Como diversas vezes elas alcançam mais de uma localidade, o número de alertas enviados por municípios já chega a 67.795. Nos nove estados onde o serviço está ativo, já são 2,5 milhões de celulares cadastrados.

O Japão começou a utilizar o alerta em 2007. Atualmente, mais de 20 países, entre eles o Canadá, Chile, Bélgica e Filipinas, contam com serviços semelhantes. Agora, Japão e Brasil mantêm parceria para troca de conhecimento em caso de desastres naturais.

No Brasil, o sistema foi testado durante seis meses em 25 cidades de Santa Catarina e Paraná, atendendo a mais de meio milhão de usuários de telefonia móvel.

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: