Defesa do consumidor: Operação aponta 9,3% de fraudes em pescados sob inspeção federal

A Operação Semana Santa foi concluída com a análise de 140 amostras de peixes coletadas em 12 estados e no Distrito Federal. Mais de 50 auditores fiscais agropecuários do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) participaram de ações que apontaram índice de 9,3% de não conformidade em estabelecimentos sob a fiscalização do Serviço de Inspeção federal (SIF).

O índice de não conformidade é apontado quando a espécie de peixe declarada no rótulo não condiz com a amostra retirada da embalagem. O objetivo das coletas é fazer um levantamento de possíveis fraudes alimentícias nos pescados colocados à venda para os consumidores durante a Páscoa.

Nos estabelecimentos sob o Serviço de Inspeção Estadual (SIE) e o Serviço de Inspeção Municipal (SIM), o índice de não conformes foi de 55,6%. Conforme o auditor fiscal agropecuário Paulo Humberto de Lima Araújo, os números sinalizam que a fraude é maior nesses casos.

Neste ano, além dos estabelecimentos de fiscalização nacional, foram analisadas amostras de pescados fiscalizados pelos estados e municípios.

No dia 20 de fevereiro, foram coletadas amostras de produtos de pesca e aquicultura no Distrito Federal, Ceará, Minas Gerais, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e São Paulo, além de Alagoas, Mato Grosso, Pernambuco e Tocantins, que participaram da operação pela primeira vez.

As empresas onde foram constatadas não conformidades nos exames laboratoriais serão notificadas. O Mapa adotará ações em relação à destinação dos produtos e medidas cautelares para que esses estabelecimentos garantam segurança alimentar aos consumidores.

A operação Semana Santa é realizada pelos auditores fiscais agropecuários desde 2015.

Da redação, com Mapa e Anffa Sindical

 

Foto: Antonio Araújo/Mapa

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: