Tocantins: Piscicultura e bovinocultura são os temas da AgroAlmas 2018

logo AGROALMAS 6 5

Nos próximos dias 13 e 14 deste mês, ocorre em Almas, região sudeste do Tocantins, a AgroAlmas 2018. A Embrapa é uma das instituições organizadoras do evento, que tem à frente o Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins). Pesquisadores e técnicos da empresa participarão da AgroAlmas 2018 como palestrantes e responsáveis por estações técnicas.

O evento teve a primeira edição há três anos como dia de campo sobre integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF), uma das linhas técnicas do Plano ABC, que preconiza o uso de tecnologias visando à prática de uma agricultura de baixa emissão de carbono. Desde então, cresceu e agora incorporou a temática da piscicultura. Serão dois dias de campo: um sobre piscicultura no primeiro dia e outro sobre bovinocultura, no dia 14. Haverá ainda circuitos de palestras e exposições permanentes.

Um dos temas, que vai ser abordado no dia de campo sobre piscicultura, é a qualidade dos alevinos. “Em parceria com a Fazenda São Paulo, abordarei pontos relevantes de identificação individual dos reprodutores do plantel, importância das análises genéticas ao iniciar um plantel, controle de parentesco, zootécnico e direcionamento de acasalamentos”, explica Luciana Shiotsuki, pesquisadora da Embrapa e uma das pessoas que estará à frente dessa estação técnica.

Ainda no dia de campo sobre piscicultura, marcado para ocorrer no Pescados Piracema, um dos frigoríficos de Almas, haverá estação técnica sobre despesca e insensibilização. Os pesquisadores Patrícia Chicrala e Leandro Kanamaru, também da Embrapa, estarão à frente desse tema. Há, ainda, duas estações técnicas: uma sobre manejo alimentar e nutrição e outra sobre frigorífico e agregação de valor.

Bovinocultura, ABC e ILPF

Já como parte do segundo dia de campo, programado para a Fazenda Pindoba, no município vizinho de Dianópolis, uma das estações técnicas tratará de cultivares de capim da Embrapa. Quem vai falar sobre o assunto é Pedro Alcântara, zootecnista da empresa.

Segundo ele, os participantes vão ter acesso às “principais características dos novos materiais forrageiros da Embrapa, os quais se apresentam como alternativas para a diversificação de pastagens. É extremamente importante para o produtor entender o posicionamento que cada cultivar deve ter dentro do seu sistema de produção, evitando frustrações e aumentando a possibilidade de auferir lucro com a adoção destas tecnologias”.

Além do dia de campo sobre bovinocultura, Pedro vai participar do Circuito da Pecuária Sustentável, marcado para o Colégio Agropecuário de Almas. Ele falará a respeito da atuação da Embrapa no Plano ABC no Tocantins. “Serão apresentados os projetos relacionados à transferência de tecnologias do Plano ABC coordenados pela Embrapa e o produtor saberá como pode se tornar um parceiro dessa rede.”

Outro palestrante desse circuito é Cláudio Barbosa, também zootecnista da Embrapa, que abordará a integração lavoura-pecuária-floresta. Segundo ele, os participantes “serão informados sobre que é a ILPF (conceito), quais são as suas modalidades, que práticas conservacionistas e benefícios o sinergismo da integração de diferentes atividades traz para o ambiente, para as pessoas e para o bolso do produtor (sustentabilidade)”.

Cláudio diz ainda que haverá “relato de casos de sucesso de implantação e condução de áreas em propriedades que já adotam ILPF e demonstração de resultados agronômicos, zootécnicos e econômicos positivos e superiores da ILPF em comparativo a sistemas não integrados ou monocultivos e a quem recorrer (assistência técnica e consultoria) em caso de interesse por adotar tais tecnologias”.

Além da Embrapa e do Ruraltins, são organizadores da AgroAlmas 2018 o Colégio Agropecuário de Almas, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), as secretarias estaduais do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária e da Educação, Juventude e Esportes, a prefeitura municipal de Almas, o Banco da Amazônia e a Fazenda Galiléia.

Da redação, com Embrapa  Pesca e Aquicultura 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: