Bolsonaro: Agricultura e Meio Ambiente devem seguir separados

bolsonaro 1 11
Presidente eleito – Fernando Frazão/Agência Brasil

“Havia uma ideia de fusão [entre Agricultura e Meio Ambiente], mas pelo que parece será modificada. Pelo que tudo indica, serão dois ministérios distintos”, disse nesta quinta-feira (1º) o presidente eleito Jair Bolsonaro, durante entrevista a emissoras de TV católicas. Com isso, o mais provável é que as duas pastas continuem separadas, como defendem o agronegócio e ambientalistas.

Agora à tarde, em nova entrevista no Rio, o presidente eleito reiterou que os dois ministérios devem ser mantidos. “E eu é que vou nomear os dois ministros”, ressaltou. A mudança de posição, segundo ele, é resultado das manifestações do setor rural, que teme prejuízos às exportações de produtos agropecuários com a fusão das duas pastas.

Ainda no 1º turno da campanha eleitoral, a equipe de Bolsonaro se mostrou favorável à fusão da Agricultura e do Meio Ambiente. Na última terça-feira (30), o futuro chefe da Casa Civil, o deputado federa Onyx Lorenzoni (DEM-RS), chegou a confirmar a unificação das duas pastas.

Tanto durante a campanha eleitoral quanto nesta semana houve reação negativa à possibilidade de fusão, o que levou a equipe de Bolsonaro a informar que ainda não havia nada decidido.

Nessa quarta-feira (31), o presidente da União Democrática Ruralista (UDR), Luiz Antônio Nabhan Garcia, um dos principais interlocutores do presidente eleito no setor agropecuário, também disse que ainda não definição sobre o assunto.

Um pouco antes da manifestação de Nabhan, o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, havia divulgado nota se mostrando preocupação com a unificação das duas pastas. “Essa fusão trará prejuízos ao agronegócio brasileiro, muito cobrado pelos países da Europa pela preservação do meio ambiente”, lamentou Maggi.

Sem “xiita” no Meio Ambiente

Na entrevista às TVs católicas, Bolsonaro enfatizou ainda   que não quer um ministro “xiita” para o Meio Ambiente e que a conservação da natureza não pode ser um empecilho para o progresso do país.

“O Brasil é o país que mais protege o meio ambiente. Nós pretendemos proteger o meio ambiente, sim, mas não criar dificuldades para o nosso progresso”, argumentou Bolsonaro. “Mas uma pessoa voltada para proteger o meio ambiente sem o caráter xiita, como foi em outros governos”, completou.

Da redação, com G1

*Atualizada às 17h31

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta