Liberados R$ 5 milhões para formação de estoques da agricultura familiar

paa arte 4 10 19

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) destinou R$ 5 milhões para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade de formação de estoques, da agricultura familiar. Com a liberação dos recursos, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) abriu o seu sistema para receber novas propostas.

A medida faz parte das ações do programa AgroNordeste, lançado na última terça-feira 1º, informa a Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Mapa.

As organizações de agricultores familiares (cooperativas e associações) interessadas em participar podem enviar projetos via PAAnet/SigPAA até o dia 20 deste mês. A expectativa é que as primeiras contratações ocorram a partir de 23 de outubro. O valor máximo de cada projeto é de R$ 200 mil.

Um dos critérios de pontuação para a seleção das organizações é a localização no Nordeste ou no Semiárido, nos territórios prioritários das ações do AgroNordeste. Outras pontuações também serão dadas para novas organizações que não tiveram projetos formalizados desde 2013, para propostas que envolvam produtos da cadeia da ovinocaprinocultura e que tenham a participação de mulheres e de povos e comunidades tradicionais.

“A modalidade de formação de estoques permite que organizações de agricultores familiares acessem recursos para aquisição da produção dos seus cooperados e associados para formarem estoques em períodos estratégicos”, diz o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo, Fernando Schwanke.

“Assim”, acrescenta, “os produtos, in natura ou processados podem ser comercializados em momento mais favorável do mercado. Neste ano, a execução da modalidade se une ao programa AgroNordeste, com pontuação diferenciada para os estados do Nordeste, buscando fortalecer ainda mais o contexto do cooperativismo e da agricultura familiar nesta importante região do Brasil.”

Plano de ação

A destinação de novos recursos para formação de estoques da agricultura familiar, principalmente nos municípios do Nordeste, integra as ações do AgroNordeste – plano de ação para impulsionar o desenvolvimento econômico e social sustentável do meio rural da região.

O programa federal é voltado para pequenos e médios produtores que já comercializam parte da produção, mas ainda encontram dificuldades para expandir o negócio e gerar mais renda e emprego na região onde vivem.

Entre os objetivos do plano estão a promoção e o fortalecimento da organização dos produtores, a ampliação do acesso e a diversificação de mercados, o aumenta da cobertura da assistência técnica, a garantia de segurança hídrica e desenvolvimento de produtos com qualidade e valor agregado.

O AgroNordeste prevê ações, no biênio 2019/2020, em 230 municípios dos nove estados do Nordeste, além de Minas Gerais, divididos em 12 territórios, com uma população rural de 1,7 milhão de pessoas.

Estocagem

A modalidade de formação de estoques do PAA foi criada para propiciar aos agricultores familiares instrumentos de apoio à comercialização de seus produtos, sustentação de preços e agregação de valor. Trata-se de apoio financeiro para a constituição de estoques de alimentos por organizações da agricultura familiar, que posteriormente poderão ser comercializados com preços mais vantajosos para os agricultores.

Ao identificar a possibilidade de formação de estoques de determinado produto, a organização de agricultores deve enviar uma proposta por meio do sistema PAAnet/SigPAA com a especificação do produto, a quantidade, o preço proposto, o prazo necessário para a formação do estoque e os agricultores a serem beneficiados, que devem possuir a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP).

Com a aprovação, a organização emite a Cédula de Produto Rural (CPR-Estoque) e a Conab disponibiliza o recurso.

A organização adquire a produção dos agricultores familiares listados na proposta de participação, beneficia os alimentos e os mantém em estoque próprio até sua comercialização no mercado convencional.

Do Mapa

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta