Com baixa oferta, preços do trigo seguem em alta, segundo o Cepea

Foto: Paulo Kurtz/Embrapa

As cotações de trigo e derivados continuam em elevação, devido à baixa oferta, conforme indicam pesquisadores do Cepea. Quanto às importações, em função do dólar elevado, estão encarecidas.

Até a semana passada, o Brasil havia importado 546,6 mil toneladas de trigo, com média diária 15,95% superior à de abril/19. A média da moeda norte-americana em abril foi de R$ 5,33 – no mesmo mês do ano passado, estava em R$ 3,895.

Em relação aos derivados, de 24 a 30 de abril no comparativo com a média da semana anterior, as cotações de todas as farinhas seguiram firmes. Conforme colaboradores do Cepea, apesar de os preços já estarem elevados, a projeção para as próximas semanas é de novas altas, devido à constante valorização da matéria-prima.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta