Exportações de carne bovina em abril aumentam 12% em volume e 23% em receita

Foto: APPA/Divulgação

As exportações totais de carne bovina (in natura e processada) cresceram 12% em volume e 23% em receita em abril, em comparação com o mesmo mês do ano passado, informa em nota, nesta sexta-feira (7), a Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo).   Os embarques somaram 152.626 toneladas, contra 135.857 t de 2020, com faturamento de US$ 706,7 milhões, contra US$ 576,6 milhões de igual período do ano passado.

As vendas externas de carne bovina tiveram alta em abril mesmo com a China tendo reduzido as suas compras em 9.058 toneladas em relação a março, assinala a Abrafrigo, com base em dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), do Ministério da Economia.

No acumulado dos quatro primeiros meses de 2021, as exportações de carne bovina tiveram alta de 3% em volume (563.651 t) e de 5% em receita (US$ 2,52 bilhões). No ano passado, no mesmo período, a movimentação foi de 549.791 t, com faturamento de US$ 2,39 bilhões.

China

A China, com importações através de continente (44,5% do total), e da cidade-estado de Hong Kong (14,2%), continua sendo o maior comprador da carne bovina brasileira, representando 58,7% das exportações.

Neste ano, o país asiático já comprou 330.929 t de carne bovina, com receita de US$ 1,479 bilhão. No ano passado, no quadrimestre, as aquisições chinesas totalizam 295.255 t, com receita de US$ 1,346 bilhão.

Em janeiro deste ano, a China (incluindo Hong Kong) importou 74.707 t de carne bovina; em fevereiro, 79.895 t; em março, 93.692 t; e em abril, 84.634 t.

Estados Unidos

O Chile é o segundo comprador de carne bovina do Brasil. No primeiro quadrimestre, o país importou 25.712 t (- 3,9% em relação ao ano passado).

Os Estados Unidos aparecem na terceira posição, com crescimento de 157,6% nas suas compras (23.009 t).

A quarta posição é ocupada pelas Filipinas, com aumento de 75,5% (20.390 t) nas suas aquisições.

Já os Emirados Árabes aumentaram as importações em 14,3% (14.998 t), ficando em quinto lugar.

No total, conforme a Abrafrigo, 66 países aumentaram o volume das importações em abril e outros 75 diminuíram.

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: