Cepea: Oferta de cebola aumenta, e cotações recuam em setembro

Foto: Marcos Santos/USP/Imagens

As cotações da cebola estão em queda neste mês nas regiões de Monte Alto (SP) e São José do Rio Pardo (SP), devido à elevada oferta nacional. Segundo colaboradores do Hortifruti/Cepea, a maior disponibilidade de bulbos nas regiões que estão em safra (São Paulo e Cerrado) é reflexo da alta produtividade e da maior área nesta temporada. Além disso, o déficit hídrico e as altas temperaturas limitaram o desenvolvimento das cebolas, que apresentam menor calibre – característica que dificulta as vendas e reduz o retorno ao produtor.

Nas regiões produtoras do Triângulo Mineiro (MG) e de Cristalina (GO), no Cerrado, a paralisação de alguns caminhoneiros na semana do dia 7 atrapalhou a comercialização. Já no Nordeste, nas praças de Irecê (BA) e do Vale do São Francisco (BA/PE), o mercado segue estável, visto que tanto a procura quanto a disponibilidade estão baixas nessas áreas.

No Sul, segundo produtores consultados pelo Hortifruti/Cepea, a cultura vem se desenvolvendo bem, com a produtividade dentro do esperado.

Esse cenário tem elevado as expectativas quanto à safra 2021/2022, cuja colheita deve começar entre o fim de outubro e o início de novembro.

Do Cepea/Hortifruti

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: