Câmara debate produção e comercialização de vinho colonial

aaa vinho colonisal
Setor reclama do excesso de exigências de órgãos públicos – Daer/GOV.RS 

A situação dos produtores de vinho colonial e as medidas para viabilizar a sua produção e comercialização no contexto da agricultura familiar serão debatidas em audiência pública pela Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (6).

O debate foi proposto pelos deputados Evair Vieira de Melo (PV-ES) e Onyx Lorenzoni (DEM-RS). Segundo Lorenzoni, uma das dificuldades encontradas pelos produtores de vinho colonial são as exigências de fiscalização do Ministério da Agricultura.

“Não é levado em consideração o modo de produção e suas características peculiares de fabricação do produto. São feitas exigências que inviabilizam estes pequenos produtores”, afirmou o parlamentar gaúcho.

Lorenzoni também ressaltou que a produção de vinhos coloniais mantém viva uma tradição milenar, trazida para o Brasil pelos imigrantes italianos.

A audiência será realizada no plenário 6, a partir das 10h.

Da redação, com Agência Câmara de Notícias

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: