Conab leiloará parte dos seus armazéns, anuncia Tereza Cristina

ministra posse diretoria conab
Ministra da Agricultura dá posse à nova diretoria da Conab – Noaldo Santos/Mapa

O governo vai leiloar, nos próximos meses, parte dos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). O anúncio foi feito pela ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento), nesta quinta-feira (28), ao dar posse à nova diretoria da estatal. O novo presidente da Conab é Newton Araújo Silva Júnior, funcionário de carreira da empresa há 40 anos

Segundo a ministra, a rede de armazenamento da Conab é grande, antiga e parcialmente subutilizada. Tereza Cristina disse que não faz sentido mantê-la num momento em que os traders do setor agropecuário têm estruturas mais modernos de armazenagem e sistemas mais ágeis de escoamento da produção.

“Precisamos que a Conab dê atenção às coisas para as quais ela é imprescindível, como trabalhar mais perto do produtor, fazendo previsão de safra, estatísticas e prestando as informações oficiais sobre o setor, que são ferramentas essenciais para cuidarmos das políticas públicas. Não podemos ter empresas públicas com um patrimônio enorme, porque custa mais caro mantê-lo do que a sua utilidade”, afirmou Tereza Cristina.

Em discurso durante a posse, a ministra afirmou que não haverá mudanças radicais na companhia, mas uma modernização de sua estrutura e de suas práticas administrativas. Ninguém, assinalou Tereza Cristina, vai impor coisas na Conab de cima para baixo, porque tudo será discutido com a diretoria, o conselho administrativo e todos os envolvidos.

Tereza Cristina ressaltou ainda que a proximidade entre o Ministério da Agricultura e a Conab precisa ser cada vez maior, em benefício da agropecuária brasileira. “O sucesso da Conab será o meu sucesso também.”

A ministra enfatizou ainda que gostaria receber informes semanais do setor. A Conab, observou, detém as informações oficiais sobre o que ocorre no setor rural brasileiro e precisa divulgá-las antes do setor privado.

A Conab, pontuou Tereza Cristina, deve se comunicar melhor com a sociedade para mostrar sua importância à segurança alimentar do brasileiro, com todo o seu trabalho na regulação de estoques e distribuição dos produtos.

Armazéns subutilizados

Conforme Silva Júnior, a Conab tem 178 armazéns, dos quais 67 estão subutilizados, que podem, num estudo preliminar, ser leiloados ou mesmo cedidos à iniciativa privada por meio de permutas. “É preciso tirar essa gordura da companhia para fortalecê-la”.

A “desmobilização do patrimônio”, acrescentou o novo presidente da estatal, será rápida e ocorrerá já nos próximos meses.

Ainda de acordo com Silva Júnior, a Conab dispõe de orçamento de R$ 1,5 bilhão para equalização dos preços dos produtos da safra.

Da redação, com Mapa

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: