Apesar de colheita em reta final, preços da soja seguem firmes

soja graos colheitadeira embrapa
Foto: Embrapa/Divulgaçãzo

Mesmo com as atividades de colheita de soja na reta final em algumas regiões do Brasil acompanhadas pelo Cepea e a produtividade elevada, os valores continuam em alta. Esse cenário está atrelado à valorização do dólar e à firme demanda externa.

No acumulado de março (de 28 de fevereiro a 13 de março), os Indicadores ESALQ/BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) e CEPEA/ESALQ Paraná registraram avanços de 2,58% e 3,6%, com respectivos fechamentos a R$ 92,18/sc de 60 kg e a R$ 85,89/sc nessa sexta-feira 13.

Em Goiás, cerca de 80% da área já foi colhida, de acordo com levantamento do Cepea. Em Mato Grosso do Sul, a colheita passa de 70% e, em São Paulo, de 60%.

Quanto ao dólar, finalizou a R$ 4,852 nessa sexta, 4,8% superior ao da sexta-feira anterior e recorde nominal, cenário que segue favorecendo as exportações brasileiras.

Do Cepea

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta