Deputada Tereza Cristina defende que Brasil tenha CRA em dólar

dep-Tereza-Critina-CNA
Foto: Divulgação

“O Brasil é o segundo maior player [mundial] da agricultura, mas ainda não tem acesso aos CRA [Certificados de Recebíveis do Agronegócio] em dólar. Precisamos tê-los para trazer investidores de fora para investir no agronegócio”, disse a deputada federal Tereza Cristina (DEM–MS), ao participar do seminário “Agro em Questão – Financiamento para o Agronegócio”, nesta quinta-feira (1º), na Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), em Brasília.

Vice-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), Tereza Cristina foi expositora em um dos painéis do evento, que contou com a participação do ministro da Agricultura, Blairo Maggi; da secretária do Tesouro Nacional, Ana Paula Vescovi; e do presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro.

Segundo a parlamentar de Mato Grosso do Sul, os CRA em moeda estrangeira – título de crédito com promessa de pagamento em dinheiro, emitido por securitizadoras – já são muito utilizados em países como a Argentina, o Paraguai e o Canadá. “No Brasil, ainda dependem de regulamentação”, assinalou a deputada, lembrando que o setor luta pelos CRA em dólar há três anos.

Posse na FPA

No próximo dia 20, Tereza Cristina assumirá a presidência da FPA, maior bancada suprapartidária do Congresso Nacional.

A deputada adiantou que um dos desafios de sua gestão será a derrubada parcial dos vetos do presidente Michel Temer à lei que permite aos produtores parcelar seus débitos com o Fundo de Assistência do Trabalhador Rural (Funrural).

 

 

AGROemDIA

O AGROemDIA é um site especializado no agrojornalismo, produzido por jornalistas com anos de experiência na cobertura do agro. Seu foco é a agropecuária, a agroindústria, a agricultura urbana, a agroecologia, a agricultura orgânica, a assistência técnica e a extensão rural, o cooperativismo, o meio ambiente, a pesquisa e a inovação tecnológica, o comércio exterior e as políticas públicas voltadas ao setor. O AGROemDIA é produzido em Brasília. E-mail: contato@agroemdia.com.br - (61) 99244.6832

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: